top of page

Vivendo e vendendo na era pandêmica

Meu lema sempre foi a fé, sempre tive uma visão positiva da vida e nunca me deixei abalar com os sinônimos da palavra impossível. Mas neste último ano, assim como para muitos, fui testada em todos os conceitos de compreensão, tive que aprender a desenvolver estratégias de logica e forçar o hemisfério do meu cérebro que comanda a razão a entrar em ação.

Em abril, quando recebi a primeira notícia de que ficaríamos sem trabalhar por conta do Lockdown, respirei fundo, refiz as contas e vi que mais uns 2 ou 3 meses ainda conseguiria manter a casa com algumas restrições. Mas, para meu alívio, o segmento de material de construção se mostrou averso da economia e o que menos se imaginava naquele contexto aconteceu; voltamos a trabalhar com força total e as vendas diariamente subiam alguns pontinhos.

Passamos pela falta de mercadoria – ocasionada pela escassez de matérias primas – pela mudança da postura das empresas em relação a prazos e o mais importante e decisivo; tivemos que nos adaptar com a falta de contato físico, que sempre foi tão importante e imprescindível para as negociações.

O processo de vendas on-line já estava em pauta há um certo tempo, mas muitos clientes ainda relutavam com essa mudança e até mesmos os mais incisivos se virão obrigados a mudar sua postura e embarcar de vez na era tecnológica. Tivemos que aprender a acolher o cliente através de mensagens trocados e passar o calor humano por meio de ligações. Alguns elos representantes-lojistas nestes momentos ficaram mais fortes, outros que não tinham base se romperam de vez.

Dos aprendizados que tirei desta pandemia, foi que nada nada é fixo, e que as mudanças atualmente vêm com tanta intensidade que tentar se manter firme para não mudar seus padrões é a maior perda de tempo e de energia, que sempre vão existir dois lados e a história sempre será contada pelos que alcançam a vitória.

Por DANI RAPHAEL









24 visualizações2 comentários

Posts recentes

Ver tudo

2 commentaires


Emilson Cordeiro
Emilson Cordeiro
14 avr. 2021

Texto perfeito Pandemia,Poeta Dani ,e aqui vc nos traz como o seu momento foi e como mudou e adaptou se ao novo.Parabéns

J'aime

Daniele Helena
Daniele Helena
14 avr. 2021

Ótima reflexão

J'aime
bottom of page