top of page

Uma opção


Desejei ter você comigo,

Mas você não permitiu.

Disse que seu coração nada valia,

Me negando a opção de apenas tentar.


Tentar descobrir o que te faz sorrir,

Ou apenas saber como acariciar seus cabelos,

Quando estiver triste ou apenas querendo um afago,

Depois de um dia cansativo de trabalho.


Poder lhe contar piadas sem graças,

Para lhe roubar sorrisos bobos.

Ou apenas se sentar em gramado e olhar o pôr do sol,

Ingênuo ou sonhador desejar.


Sem saída me encontrei,

Pois está ao alcance de minhas mãos.

Mais ao mesmo tempo impõe-se,

O direito de limitar o desejo que sinto.


Agora deve esquecer os desejos e sonhos,

Guardo em um canto escuro de meu coração.

Onde de forma misteriosa ele ainda consiga sobreviver,

Na esperança de um dia ser uma opção em seu coração.



Enio Marcos - O trovador do Cerrado

Escritor

Instagram @enio.marcos_otrovadordocerrado

Facebook Enio Marcos Brito Carrijo

19 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

A viagem

bottom of page