top of page

Moleque de Rua

Por Dani Raphael


Moleque atrevido Que rouba a bola E no céu com a pipa faz seus riscos. Corre pelado, sem camiseta, descalço Se joga na grama, na areia , na lama Se liberta da selva de pedra E das pedras que marcam seu caminho. Menino na rua Aprende a ser gente Decora o sofrimento e diz sorridente Que da vida tudo se leva Se tiver bons amigos E um amor de infância na espera De lá na frente Bem lá na frente… O moleque aprender fazer arte.





5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page